08
Jan 08

  - A abstinência é um boa coisa, desde que praticada com moderação. (Anônimo)

  - Não se ama duas vezes a mesma mulher. (Machado de Assis)

  - O carro que mais vende no Brasil é o carro usado. Por que as montadoras não passam a fabricar carros de segunda mão? (Carlito Maia)

  - É claro que uma relação platônica é possível; mas só entre marido e mulher. (Anônimo)

  - O homem casado que não transar com as amigas da mulher, vai transar com quem? (Eduardo Mascarenhas)

  - Os baianos invadiram o Rio para cantar "Ó que saudade da Bahia...". Bem se é por falta de adeus, PT saudações. (Paulo Francis)

  - O casamento é o preço que os homens pagam pelo sexo; o sexo é o preço que as mulheres pagam pelo casamento. (Anônimo)

  - Errar é humano, mas para se fazer uma monstruosa cagada é preciso um computador. (Anônimo)

  - Não confio em produto local. Sempre que viajo, levo meu uísque e minha mulher. (Fernando Sabino)

  - Só acredito naquilo que posso tocar. Não acredito, por exemplo, em Luiza Brunet. (Luis Fernando Veríssimo)

  - Mulher só é fiel à moda. (Justino Martins)

  - Política tem esta desvantagem: de vez em quando o sujeito vai preso em nome da liberdade. (Stanislaw Ponte Preta)

  - Muitas mulheres consideram os homens perfeitamente dispensáveis no mundo, a não ser naquelas profissões reconhecidamente masculinas, como as de costureiro, cozinheiro, cabeleireiro, decorador de interiores e estivador. (Luís Fernando Veríssimo)

  - Alguns livros são do tipo que, quando você os larga, não consegue pegar mais. (Millôr Fernandes)

  - Ele transa bem? Leva você para comer bons queijos e vinhos? É seu amigo? Então fica com ele. É o máximo que você vai conseguir de um homem. (Marília "Gabi" Gabriela)

publicado por Neta às 20:05

pesquisar neste blog
 
Janeiro 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
12

14
15
16
17
19

20
21
22
23
24
25