09
Jan 08

O novo padre da paróquia estava tão nervoso aquando do seu primeiro sermão que nada lhe saiu direito, tal a dificuldade em falar. Antes do seu segundo sermão, perguntou ao Arcebispo como deveria fazer para estar mais relaxado e ser melhor orador.

Este sugeriu: " Antes do próximo sermão, coloque uma gotinhas de vodka na água e verá que, depois de uns goles, se sentirá mais relaxado e falará melhor". No Domingo seguinte o padre aplicou a sugestão e sentiu-se tão bem que todo o sermão lhe saiu fluente e sem hesitações ou nervosismo.

 Quando regressou à reitoria da paróquia, encontrou uma carta do Arcebispo que dizia:

"Caro Padre, Deixo-lhe os reparos que se seguem para que não se repita o que vi no seu sermão de hoje. Da próxima vez, deite umas gotas de vodka na água e NÃO gotas de água na vodka; não há necessidade de pôr limão e sal na borda do cálice; o missal não é, nem deve ser usado, como apoio do copo; aquela casinha ao lado do altar é o confessionário e não a casa de banho; evite apoiar-se na imagem de Nossa Senhora, e muito menos abraçá-la e beijá-la; existem 10 Mandamentos e não 12; os apóstolos é que eram 12, e não 7, e nenhum era anão; não devemos referir-nos ao nosso Salvador, Jesus Cristo, e aos seus Apóstolos, como "J.C. & Companhia"; David derrotou Golias com uma fisga e uma pedra, e nunca lhe foi ao cu; não nos devemos referir a Judas com o "filho da puta"; não se deve tratar o Papa como "O Padrinho"; Judas não enforcou Jesus, e o Bin Laden nada tem a ver com esta história; a água benta é para benzer, e não para refrescar a nuca; nunca reza a missa sentado nos degraus do altar, e muito menos com um pé sobre a Bíblia Sagrada; as hóstias devem ser distribuídas pelos fiéis, e não utilizadas como aperitivo para acompanhar o vinho: procure usar pelo menos roupa interior debaixo da batina, e evite abanar-se quando estiver com calor; -os pecadores vão para o Inferno, e não "para a puta que os pariu"; a sua iniciativa de chamar o público para dançar foi aceitável, mas fazer um "comboio" pela Igreja é que não; a missa deve durar uma hora no máximo, e não dois tempos de 45 minutos.

Foram estas as falhas que notei, e que espero sejam corrigidas no próximo Domingo.

O Arcebispo

P.S: Aquele homem sentado no canto do altar, ao qual se referiu como"paneleiro" e "travesti de saias", era eu.

publicado por Neta às 00:50

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.


pesquisar neste blog
 
Janeiro 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
12

14
15
16
17
19

20
21
22
23
24
25